sexta-feira , 19 julho 2019

Como calcular a nota do ENEM

Como calcular a nota do ENEM
Como calcular a nota do ENEM
O Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM) é um exame dividido em 5 áreas de conhecimentos, sendo elas: Ciências da Natureza e suas Tecnologias, Ciências Humanas e suas Tecnologias, Linguagens, Códigos e suas Tecnologias, Matemática e suas Tecnologias e Redação. Cada uma dessas áreas, com exceção apenas da Redação, é analisada através de 45 questões de múltipla escolha, onde cada questão possui 5 alternativas e apenas uma alternativa é a resposta correta. Mas o que todo mundo quer mesmo, é acertar o maior número de questões possível, assim, a nota final do ENEM vai ficar lá em cima! Vamos entender, então, como é feito o cálculo da nota do ENEM.

Como cada área de conhecimento é analisada separadamente na prova, cada área terá uma nota individual que será formada pela soma das questões que o candidato respondeu corretamente. A nota máxima do ENEM é igual a 1000,0 pontos, sendo assim, podemos concluir que cada área de conhecimento avaliada no exame poderá contribuir com uma porcentagem desse valor total. Como assim?

Vamos supor que você tenha tirado as seguintes notas no ENEM:

  • Ciências Humanas: 643,0 pontos;
  • Ciências da Natureza: 678,0 pontos;
  • Linguagens: 719,0 pontos;
  • Matemática: 641,0 pontos;
  • Redação: 771,0 pontos.

Cada uma dessas 5 notas representam uma parte da nota final do ENEM e para conseguir calculá-la, será necessário apenas tirar a média aritmética dessas notas. Sendo assim, já que estamos falando de 5 notas diferentes com o mesmo peso (no caso da média aritmética simples), todas as notas deverão ser somadas e o valor dessa soma deverá ser dividido por 5. Então o resultado final da sua nota do ENEM 2015 ficaria assim:

(643,0 + 678,0 + 719,0 + 641,0 + 771,0) : 5 = 690,4 pontos.

No entanto, até agora nós falamos apenas da média aritmética simples, ou seja, da média comum que os candidatos terão acesso quando as notas finais do ENEM 2015 forem liberadas na página do participante. Algumas universidades utilizam apenas esta média simples para que os candidatos possam também se candidatar às vagas abertas nelas, porém, algumas outras universidades (principalmente quando se trata dos cursos mais concorridos), optam por utilizar a média aritmética complexa para que os alunos possam se candidatar e concorrer às vagas abertas.

A média aritmética complexa envolve atribuir diferentes pesos às áreas de conhecimento avaliadas no ENEM. Por exemplo, se um candidato do ENEM quiser se candidatar para um curso de Física em uma universidade pública através do Sisu (Sistema de Seleção Unificada), e esta universidade tem por regra que quem quiser se candidatar a este curso, precisa ter um conhecimento um pouco mais elevado em áreas como Física e Matemática, por exemplo. Se isso acontecer, essas áreas exigidas pela universidade deverão valer mais (a nota) do que as demais áreas avaliadas no ENEM. Vamos exemplificar?

Se a área de Física tiver peso 2 e a área de Matemática também, significa que as áreas do ENEM de Ciências da Natureza e Matemática, terão que ter peso 2 na hora de calcular a média do candidato que irá concorrer à vaga de Física da universidade pública. Assim, o cálculo da média aritmética complexa ficaria assim:

  • Ciências Humanas (peso 1): 643,0 pontos;
  • Ciências da Natureza (peso 2): 678,0 pontos;
  • Linguagens (peso 1): 719,0 pontos;
  • Matemática (peso 2): 641,0 pontos;
  • Redação (peso 1): 771,0 pontos.

Com isso, a média aritmética complexa se daria por:

[(643,0 x 1) + (678,0 x 2) + (719,0 x 1) + (641,0 x 2) + (771,0 x 1)] : 7 = 681,57 pontos.

Sendo assim, para participar no Sisu a fim de ingressar neste curso de Física em uma universidade pública específica que exija a aplicação de pesos diferentes em algumas áreas de conhecimento avaliadas no ENEM (ainda no nosso exemplo), a sua nota que será considerada será a média aritmética complexa, ou seja, de 681,57 pontos, conforme fizemos no exemplo, e não a média aritmética simples calculada anteriormente, a qual no nosso exemplo foi equivalente a 690,4 pontos. Deu pra entender?

Como calcular a nota do ENEM, calculador automático enem

Os gabaritos oficiais do ENEM 2015 já estão disponíveis no site do ENEM e as notas finais oficias serão liberadas no início de janeiro de 2016. Boa sorte!

Apostilas Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM)

Exame Nacional de Ensino Médio (ENEM)
APOSTILAS – ENEM ( 4 Volumes )
Exame Nacional de Ensino Médio (ENEM)-EXAME NACIONAL DE ENSINO MÉDIO - ENEM ( 4 Volumes )

Blog voluntário informativo: http://enem2016.biz/
Site do INEP: http://enem.inep.gov.br/
Pagina do participante: http://enem.inep.gov.br/participante/

5.0
03

Sobre Concursos Abertos